XXI Domingo do Tempo Comum

27 de agosto de 2017

 

Admonição inicial

No centro da reflexão, que a Liturgia deste Domingo nos propõe, estão dois temas à volta dos quais se constrói e estrutura toda a existência cristã: Cristo e a Sua Igreja.

A 1ª leitura mostra-nos que o poder «das chaves» deve ser exercido, com solicitude paternal, em ordem ao bem maior de cada um.

O Evangelho convida os discípulos a aderir a Cristo e a acolhê-Lo como «o Messias, Filho de Deus». É essa adesão que revela a verdadeira identidade do homem crente – aquele que é capaz de mergulhar na infinita grandeza de Deus, através da adoração e do louvor constante!…

A 2ª Leitura convida-nos a contemplar a riqueza, a sabedoria e a ciência de Deus que, de forma misteriosa e até desconcertante, realiza o Seu projeto de salvação.