XIV Domingo do Tempo Comum

08 de julho de 2018

 

Admonição inicial

A liturgia da Palavra deste Domingo diz-nos que a força de Deus se manifesta na fragilidade e na simplicidade daqueles que Ele escolhe para enviar em missão. Deus realiza coisas extraordinárias servindo-Se daquilo que os homens relativizam e menosprezam.

Instalados nas suas certezas sobre Deus, os conterrâneos de Jesus não O reconhecem quando Ele ensina na Sua própria terra! Há uma grande contradição entre as convicções religiosas, que todos julgam intocáveis, e a realidade de Jesus que parece contradizê-las!

Só purificando o nosso olhar sobre Deus seremos capazes de O reconhecer, no meio de nós, nos sinais discretos da Sua presença, que triunfam na pobreza, na fraqueza, e na humildade!

Manifestam uma grande fé os que acreditam que o poder e a vitória de Deus passam pela fraqueza, pela pobreza, e pela derrota!